-A A +A
Campus de Goiabeiras, Vitória - ES

Histórico

O Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI) da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) foi fundado em 1972, objetivando atender às atividades administrativas e acadêmicas da universidade, provendo o apoio computacional às áreas acadêmicas e administrativas, sempre buscando garantir a segurança, fidelidade, confiabilidade e presteza dos dados da instituição.

Inicialmente, concentrava sua sede em diversas salas do Centro de Educação Física e Desportos. Em 1982 teve suas instalações transferidas para prédio próprio, próximo ao Centro Tecnológico, onde está até hoje.

Em 1981, o NTI firmou um convênio com a IBM visando oferecer bolsas de estudos para alunos que colaborassem com pesquisas voltadas para a educação. No que se refere a sistemas, novos programas foram desenvolvidos e implantados, como controle de estoque do Restaurante Universitário (RU), controle de estoque e controle de pacientes do Hospital Universitário (HUCAM), folha de pagamento da UFES e controle de utilização do espaço físico da UFES.

Concentrando quase toda a capacidade computacional existente na UFES, em 1988 desenvolveu , juntamente com a empresa Automática Engenharia, uma máquina de leitura ótica própria para corrigir cartões de provas de cursos e concursos. Posteriormente, esta máquina foi adotada por várias instituições do país. No mesmo ano, o NTI contribuiu para a informatização do TJES (Tribunal de Justiça do ES).

Em 1990 a UFES, através do NPD, se tornou um nó da rede mundial de pesquisa, a BITNET, uma rede remota que inicialmente interligava apenas a Universidade de Nova Yorque e a Universidade de Yale.

A evolução da informática na UFES começou efetivamente em 1992; quando a informatização foi classificada como prioridade maior de investimento da Instituição, a fim de atender a área administrativa e acadêmica. Até então, a Universidade tinha apenas 95 microcomputadores, com padrão muito antigo, e um computador de grande porte.

A implantação da fibra ótica em 1995 concedeu informações a várias áreas, desde o sistema de acompanhamento acadêmico, com todos os controles de notas de graduação, até consultas a bibliotecas existentes em outros estados brasileiros. Ainda em 1995 o NTI realizou a primeira eleição informatizada para Reitor e Vice-Reitor da UFES, a Primeira Semana de Informática da UFES. O NTI também passou, dentro de sua evolução natural, a prover os serviços de Internet para toda a comunidade acadêmica. Essa modernização permitiu à UFES um melhor atendimento ao aluno e o acompanhamento de sua vida acadêmica.

Na área administrativa, sistemas como folha de pagamento, controle orçamentário e financeiro, de almoxarifado, patrimônio, compras, licitações  e acompanhamento de concursos permitiram agilidade e segurança nas informações fornecidas à Administração e aos seus beneficiários. Para a comunidade universitária, a REDEUFES tornou-se um instrumento de ensino, pesquisa e extensão, graças ao uso intensivo das Tecnologias de Informação.

Transparência Pública
Acesso à informação
Dados abertos

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910